segunda-feira, 19 de novembro de 2007

Vendas online devem aumentar 45% neste Natal

Esta reportagem mostra a tendência de grande crescimento do varejo on-line nas compras deste Natal (para comparar, enquanto as vendas online deste Natal devem aumentar 45% em relação ao Natal passado, o varejo estima um crescimento próximo de 10%). Além da comodidade, pesa muito o fato que as lojas on-line tem preços muito vantajosos em relação às lojas tradicionais.

Acho que um fator que pesa muito para as vendas online aumentarem tanto é que cada vez mais pessoas se animam a comprar online (o que aumenta o número de vendas) e também porque o atendimento está cada vez melhor nos sites.

Neste cenário, as lojas tradicionais se armam e lutam como podem: outro dia fiz uma cotação de uma TV e o vendedor me disse que cobria qualquer oferta que eu visse na Internet. Por outro lado, muitos consumidores escolhem produtos na loja e compram pela internet.

Como você acha que as vendas online vão afetar o varejo tradicional? Você acha que os fabricantes passarão a investir em lojas próprias online para comercialização dos seus produtos? A venda on-line é um complemento ao varejo tradicional?

Nenhum comentário: