sábado, 12 de abril de 2008

AmBev quer dominar também o setor de franquias

"Para não concorrer com bares e restaurantes que já revendem bebidas da Ambev, a idéia é espalhar quiosques e carrinhos do chope Brahma em aeroportos, rodoviárias, shoppings, supermercados, hotéis, parques, praias e até cinemas – ou seja, lugares em que o consumidor não tem o hábito de beber chope. 'Nossa grande dificuldade hoje é acharmos bons pontos. Não queremos atingir essa meta de mil lojas a qualquer custo, só para sermos líderes. Precisamos ser lucrativos em todos os locais onde decidirmos investir', afirma João Paulo Badaró, gerente de desenvolvimento de mercados da Ambev."

Esta reportagem da Exame mostra os planos da AmBev para expandir seu serviço de franquias no Brasil. A meta, audaciosa, é superar o ícone do mercado de franquias nacional, o McDonalds, em número de lojas.

Supermercado vendendo seguro, fabricante de cerveja abrindo franquia, redes varejistas estrangeiras entrando no Brasil para atacar consumidores de baixa renda - este ano está sendo beeeeeeem agitado no varejo!

Um comentário:

Pedro disse...

Realmente é possível que esta modalidade tenha muito êxito. A riqueza da estratégia recai exatamente sobre a capacidade de operacionalização da inteligência capaz de identificar os pontos de instalação que sejam lucrativos. A Ambev costuma ter um bom desempenho na questão de aplicação de inteligência sobre o mercado. O risco potencial é o de que seguidores animados com a iniciativa da ambev tentem ie na mesma trilha, fato que em 99% das vezes levaria ao fracasso pois hoje não vejo concorrentes de mercado com capacidade de implementar esse modelo.