segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

Crise ou oportunidade de vendas?

"O ano de 2009 começou com queda no endividamento e na confiança do consumidor paulistano, afirma a Federação do Comércio do Estado de São Paulo (Fecomercio). Segundo a Pesquisa do Endividamento e Inadimplência do Consumidor (PEIC) e o Índice de Confiança do Consumidor (ICC), houve uma queda de 5% em relação ao número de famílias endividadas no município de São Paulo, passando de 50% em dezembro para 45%, enquanto a confiança retraiu 2% em relação ao mês anterior e alcançou 124,4 pontos, o menor índice desde novembro de 2005, quando atingiu 117,3 pontos."

Veja aqui mais a respeito do mercado, no Mundo do Marketing.

Isso me lembra esta pequena história aqui. Na minha modesta opinião, é óbvio que existe um cenário adverso. Mas também me parece que quem tiver visão para enxergar as oportunidades e não se deixar envolver pela filosofia do "Ó dia, ó vida, ó azar...", é um momento que pode gerar crescimento.

Vender muito com o mercado aquecido é para quem tira pedido. Vender com o mercado em cenário adverso é para quem sabe!

2 comentários:

Arte da Tribo Produções disse...

Fechou exemplarmente esse post. Eu também acho que este cenário adverso e esse pavor geral de uma crise que só serve como justificativa para reduzir quadro de funcionários e salários, em nada ajuda o país e muito menos sua população. Ao invés de ficarmos sentados justificando tudo com a crise, devemos encontrar formas de promover e impulsionar nossos negócios.

Emerson Oliveira disse...

É esse mesmo o meu ponto. Parece aquele papo de vendedor que não sabe vender e uma hora diz que o Carnaval atrapalha as vendas, depois que é a festa junina, depois que é o inverno... Se gastasse metade do tempo tentando vender mais ou tendo idéias criativas para aumentar o seu resultado, as vendas cresceriam com certeza!