domingo, 10 de fevereiro de 2008

Preço baixo não é o mais importante

"...mais do que acreditar que somente o preço baixo atrai os olhares das classes populares e focar todos os esforços de planejamento de uma empresa ou marca nessa premissa é preciso pensar em como chamar a atenção desse público e fidelizá-lo à sua marca."



Leia mais aqui, nesta entrevista com Julia Fregona, da agência Ponto de Criação, especializada em consumo para baixa renda.

Nenhum comentário: