sábado, 27 de outubro de 2007

Criatividade em Vendas

O que é ser criativo em vendas?

Acredito que usamos melhor e mais intensamente a nossa criatividade em estratégia de vendas quando somos desafiados pelas situações de mercado (evitar peda de vendas e ainda vender mais que um concorrente com produto similar e preço mais baixo, por exemplo).

Me lembro bem de um Gerente de Vendas do Magazine Luiza em São Paulo. O Magazine abriu algumas lojas virtuais na capital, o nome da empresa não era tão forte assim na região, mas as metas (sempre elas!) vinham como se a loja estivesse estabelecida há muitos anos. O que fez ele? Ações fora da loja, vendendo em grêmios de empresas, condomínios, faculdades e todo e qualquer lugar com grande circulação de pessoas (o que para uma loja de varejo é muito fora do normal). O resultado? Metas atingidas mensalmente...

E você? Em qual cenário adverso fez a ação que considera mais criativa em vendas e que efetivamente funcionou?

Um comentário:

Emerson Oliveira disse...

Na minha experiência, tive muita dificuldade no lançamento da TIM em São Paulo para entrar em algumas lojas do Carrefour, pois a Telesp Celular na época possuía excelente relacionamento com a rede. Depois de "apanhar" um pouco, organizei junto com os vendedores e promotores da TIM na minha regional uma série de almoços e cafés da manhã, montei uma agenda de visitas semanal para as lojas da rede, não deixava um problema sem solução e depois de pouco tempo passamos a ter preferência no relacionamento, o que se refletiu em mais vendas.